CAUSA VEGAN

 

O Veganos adotaram a postura de viver sem explorar outros seres e reconhecem que todo ser senciente tem direitos na medida que é capaz de sofrer e prezar por sua vida e liberdade.

Sendo assim, o veganismo acredita que os animais não-humanos vivem para seus próprios interesses e não para serem usados pelos outros animais humanos (nós) como objetos ou fonte de matéria prima. Além disso, propõe que é necessário promover a ética da sociedade humana a um nível mais justo e solidário para com aqueles que estão sob nossa tutela perante o Universo. 

Veganos (também conhecidos como "Vegans" em inglês) são pessoas estritamente vegetarianas,  isto é, aquelas que não consomem nenhum produto de origem animal na alimentação - carne, peixes, mariscos, ovos, leite e laticínios -  tampouco produtos de vestuário como: peles, couro e camurça.

Também boicotamos a exploração de animais em  experiências de laboratórios e a exploração para o entretenimento humano em circos, zoológicos e rodeios.

 Acreditamos que seja possível viver em harmonia com os animais, sem causar-lhes sofrimento para atender a desejos mesquinhos de nossa espécie.

Muitos Veganos eram antes vegetarianos. Existem vegetarianos que adotam este estilo de vida interessados apenas em adquirir uma melhor saúde. Não podemos negar que eles contribuem para diminuição do holocausto animal, mas ainda não se deram conta do tamanho real da crueldade - não por falta de sentimento - mas por falta de oportunidade ou interesse de saber mais sobre o assunto.

E há os vegetarianos que adotaram este estilo alimentar devido não serem coniventes com a matança cruel dos animais. Este grupo, após saberem maiores informações sobre como são fabricados certos produtos (o queijo por exemplo, para quem era ovo-lacto-vegetariano) acabam compreendendo que a exploração dos animais é muito mais cruel e intensa do que imaginamos e acabam adentrando para o estilo Vegan.

Os Veganos, boicotam e repudiam qualquer ato, alimento ou processo que se baseie na exploração animal. Matar um animal para servir de comida, extrair-lhes a pele de maneira hostil ou utiliza-los em experimentos científicos são alguns dos atos mais deploráveis que nossa sociedade prática sem nenhuma reflexão, principalmente se analisarmos as inúmeras alternativas que dispomos atualmente.

Muitas pessoas vêem o veganismo simplesmente como uma dieta restritiva, uma lista de produtos e ingredientes a serem evitados. Na verdade, isso é parte de uma filosofia de vida positiva e de compaixão.

Ver os animais como objetos e meios para obtermos comida, diversão, vestimentas, etc, inevitavelmente nos leva ao abuso e a causar sofrimento; sofrimento que não ocorreria se os víssemos como companheiros. O veganismo é a realização do "ahimsa" - não-violência contra os animais e respeito por todos os seres senscientes.

A mais poderosa ferramenta que nós temos no trabalho por um mundo melhor é o exemplo positivo. Se você não acha que nós fazemos diferença, compare o mundo de hoje com aquele de 20 anos atrás. Vegetarianos e vegans eram extremamente raros, mas hoje quase todo mundo conhece pelo menos uma pessoa vegetariana ou vegan. A sociedade está cada vez mais se tornando receptiva aos vegans.

Cada um de nós, em nossos exemplos, ações e atitudes - nossa existência inteira - estamos mudando o mundo.

Hilda, a ovelha da foto, foi atirada a uma pilha de animais mortos enquanto ainda viva. Um grupo Vegan encontrou Hilda na pilha e um diagnostico mostrou que ela ficou por 16 horas sem comida, água ou atenção médica. Depois de um traumático início de vida, Hilda foi uma das poucas felizardas a serem resgatadas. Agora ela leva uma bela vida na Fazenda-Santuário. Veganismo é o caminho para deixar de ser cúmplice das crueldades inerentes à agricultura animal. Cada um de nós podemos fazer escolhas por um mundo melhor a cada dia.

 

Exemplos de Produtos Bocoitados

 O Leite 
As vacas são obrigadas e consumirem hormônios todos os dias, a fim de produzirem mais leite e vivem confinadas em pequenas espaços, apenas vivendo para produzir mais e enriquecer os capitalistas industriais. Sofrem a separação dos filhos e podem sofrer ainda mais ao ver ou ouvir a morte dos mesmos. Sofrem com problemas nas tetas e quando envelhecem vão para o matadouros para a terrível hora do abate. Não seja conivente com esta exploração e matança. Um animal não pode ser tratado como uma máquina de consumo. Boicote Leite e seus derivados.

 

 Queijos  

A maioria das pessoas, ao iniciar uma alimentação lacto-vegetariana, aumenta seu consumo de laticínios e derivados.

É surpreendente ficar sabendo quantos vegetarianos não se dão conta de que o coalho utilizado para fermentar o queijo é obtido do estômago de um bezerro recém-abatido. Esses queijos não são lacto-vegetarianos e seu consumo continua promovendo a matança dos vitelos. Este é um dos objetivos deste site: esclarecer e divulgar estas contradições. Quase a totalidade dos queijos produzidos no Brasil tem em sua composição o coalho animal, substância retirada do estômago de bezerros e bovinos adultos após seu abate. No Brasil, não encontra no comércio queijo (de leite) que não seja proveniente de coalho animal. Você pode encontrar em lojas especializadas queijos feitos de soja (de sabor diferente do Tofu) e o Catupiry de Soja (Catupisoy) delicioso para pizzas. Comer dos queijos tradicionais é patrocinar a tortura e a matança animal. Pense nisso!

 

Ovos

As galinhas ficam amontoadas e às vezes mal podem se mexer, em prisões do holocausto, forradas de fezes por todos os lados. São forçadas a consumirem ração com hormônios o dia todo para engordaram mais rapidamente visando os lucros no abate. Algumas não agüentam o próprio peso sobre as pernas e ficam deformadas, se arrastando sobre as fezes na prisão lotada. Enquanto isso, qualquer ovo botado, é confiscado para as prateleiras dos supermercados. Ao consumirmos ovos no dia a dia, estamos patrocinando toda esta tortura das aves nas prisões do holocausto, por isso também bocoitamos os ovos.

 

Artigos de Couro 
Muitos Animais, além de aproveitada a carne de seu corpo, são esfolados para retirada de seu couro. Há casos que o animal é esfolado mesmo ainda não estando totalmente morto. Seja como for, quando você compra um artigo de couro, esta sendo conivente com a exploração e morte destes animais. Motivo pelo qual um vegan boicota: sapatos, carteiras, bolsas, capas de sofá e de bancos de automóveis etc. O consumo destes produtos patrocina o interesse comercial da burguesia na continuidade do holocausto animal. Os principais animais explorados no Brasil são os bovinos e os jacarés. Ajude-os. Não compre estes produtos.

 

Objetos 
Ornamentos de Marfim, Animais Empalhados, Enfeites feitos com Penas, Plumas, Chifres, etc.

 

 Peles e Plumas 

Casacos de pele: muita vezes a pele dos animais é retirada com requintes de crueldade. Os animais são aprisionado em gaiolas sujas de fezes, ficam neuróticos rodopiando sobre si sem parar ou até mesmo se auto-mutilando. Alguns tem sua lingua cortada e sangram até  a morte. Outros são assasinados por eletrocução, afogamento, envenenamento  (nota do site: é tanta estupidez que da até aversão escrever sobre o assunto. Melhor que ler é você ver: Procure no Link Vídeos, o filme Terráqueos - parte 6).

Aqueles que são caçados com armadilhas ficam dias presos no meio da mata sangrando e sem alimento. Na tentativa de se libertarem, chegam a roer a própria pata e acabam morrendo devido a perca de sangue ou infecção.

Alguns comos a chinchilas e raposas, são esfolados vivos para ter sua pele vendida, pois segundo os criadores, se forem mortos antes da retirada da pele, o pelo perde o brilho. Você sabia que o Brasil é um dos maiores produtores de pele de chinchila no mundo? Pois é, quase ninguém sabe disso, porque não querem que a opinião publica atrapalhe os negócios milhonários dos industriais mesquinhos e sem coração, que ganham dinheiro  desta forma tão cruel. 

As Plumas de Aves nos adornos “chics” ou nas fantasias carnavalescas, são outro motivo da exploração e morte de muitos animais.

Animais são esfolados vivos para ter sua pele vendida.

Não patrocine esta crueldade.

Boicote  Peles, Roupas, Sapatos e outros produtos de couro animal.

 

 

 Produtos de Limpeza, Cosméticos e Remédios

 (A Industria Capitalista Sanguinária) 

Produtos que tenham sido criados mediante testes em animais (estudo de substâncias químicas que causam dores e doenças terríveis ao animais, quando não, definham até a morte sob dor torturante) são bocoitados pelos veganos.

Mesmo um produto que esta sendo consumido não ter nenhuma procedência animal, às vezes uma mesma empresa que o fabrica produz outros a partir de experiências em animais ou pela exploração dos mesmos. Para protestar contra este despropósito o movimento vegan propõe o boicote à estas empresas. Analise mais sobre esta questão com outros amigos. Há vários sites na internet e Fóruns no Orkut por exemplo, que oferecem informações sobre produtos e quais empresas devem ser boicotadas. Aqui vão algumas principais: Colgate-Palmolive, Johnson & Johnson, Natura, Procter & Gamble. Veja lista completa, vídeos e fotos no site do PEA.

 

Outros Produtos 

Cera, mel das abelhas, gelatina convencional (feita a partir do tutano dos bovinos).

Existem Exceções?

 Leite de uma chácara familiar pode ser consumido?

Eu tenho uma criação de Vacas na minha chácara. Elas são criadas livres, sem matança ou hormônios. Ordenhamos manualmente apenas o excesso de leite pela manhã e elas passam o resto do dia livres pastando. Vai contra a causa Vegan  beber deste leite?
Opinião do Site: Seria maravilhoso se todas criações fossem assim: de âmbito familiar e sem a exploração capitalista. Mas sabemos que este tipo de criação praticamente inexiste e seja como for não deixa de ser uma exploração ainda que mínima.  O pricpal ponto que deve ser analisado é:  os veganos percebem que leite de vaca não é coerente com a dieta humana. O unico período que um mamífero humano precisa de leite e aquele que vai do  0 a 2 anos, em  que a criança deve ingerir leite humano, não o leite  de outra espécie (nosso corpo não tem as enzimas certas para digeri-lo) por isso não há motivos para consumi-lo. Pelo contrário,  leite para um adulto cria muco no sistema digestivo e excesso de proteina pode ser mais maléfico que benéfico (fato não levado em conta  pelos esportistas narcicistas de plantão que querem criar músculos sem se importarem que sejam oriundos da exploração dos outros seres);

Além disso, dificilmente acontece de alguém criar uma vaca só para tirar seu excesso de leite quando ela pare um bezerro. E dificilmente acontece de não se matar o bezerro e nem se coma da carne dos animais criados. Para se dar leite a vaca tem que esta no período de amamentação, ou seja, tem que sempre engravidar, e o que a chacará vai fazer com este aumento na polupalção bovina?/b>

Para quem não vive numa chácara ou fazenda que tenha esta convivência pacífica com os animais, qualquer leite é suspeito. Até nas mais simples fazendas do interior do país a ordenha é mecânica e visa obter algum tipo de ganho. Os leiteiros saem com grandes cilindros de leite vendendo-o pela rua.

Então a opinião do site é que qualquer leite de animal deve ser boicotado.  Você pode substituir o leite animal por leite de castanha (muito gostoso e rico em nutrientes, fica ótimo em receitas de bolos) ou pelo leite de soja.

Você pode substituir queijo branco por tofu. Existem os amargos e outros não amargos, depende do processo de produção. O catupiry de pizzas e salgados, você pode substituir por tofupiry (tofu batido no liquidifcador côm limão e azeite). 

 Existem sucos de frutas misturados com soja muito bons (Del Vale) ou melhor ainda: você mesmo pode bater uma fruta no liquidifcador e colocar 1 colher rasa de extrato de soja em pó para fortificar o liquido.

 

E a própolis,  o mel e a geléia real, que possuem grande poder curativo, não podem ser usados? E a fabricação de soro anti-ofídico deve ser boicotada? E os testes cientificos que ajudam pessoas doentes?

Bem, imagine que vc foi picado por uma cobra ou outro bicho peçonhento (comum em cidades com bairros rurais), você vai deixar de tomar o soro porque teve um animal enjaulado sendo explorado todos os dias que o produziu? E ai você morre e acabou seu ativismo... que poderia ajudar tantos outros animais.

Então é preciso ter bom senso diante das situações. Se os animais agem por instinto e às vezes provocam acidentes com os humanos quando vivem num habitat em comum, pondo em risco a vida destes últimos, não seria coerente ter o antídoto?  Pesquisadores ja estudam a fabricação de antídotos sintéticos, mas até la, se não temos opção, é preciso ter bom senso; 

É diferente da alimentação onde temos opção em qualquer horta, feira ou mercado.

É diferente também do caso dos testes onde os animais não tem relação com o individuo e nem com a degeneração criada pelo próprio ser humano (por hábitos e pelo seu aprendizado evolutivo). Usar os animais para estes fins é curar um problema criando outro erro e assim surgindo novos retornos para o ser.

Quanto ao mel, ele é produto do trabalho das abelhas e são para elas. Não é ético o gigante chegar lá e lhes roubar seu alimento, forçando a produzirem tudo novamente e assim ser durante toda vida da colméia nos apicuários. Você pode substituir o mel pelo melado de cana por exemplo, que também é riquíssimo em nutrientes.

 Quanto a geléia real e a própolis,  é um sério dilema. Se de cada colméia fosse tirado um pouco de geleía real, um pouco de própolis, para se tratar pessoas debilitadas, acreditamos que as abelhas não se importariam tanto, afinal devemos lembrar do fraternismo que poderia existir entre todos os seres. Mas o problema é que são as mesmas colméias dentro do apicuario sendo lesadas repetidamente todas ás vezes em todos os meses, para se fazer a produção industrial do produto. 

A própolis você pode substituir por plantas anti-inflamatórias (e existem florais brasileiros muito bons, que atuam tanto fisicamente como energéticamente); 

A geléia real pode ser substituida (de maneira fraca) pelo pólem, que também tem aminoácidos,  ou por meia colher de café de de ginseng por dia (algumas pessoas podem ter reação adversa). O uso de geléia real deveria ser usado apenas em último caso,  restrito quando a pessoa debilitada  corre risco de vida devido a debilidade.

 

O animal morreu de velhice... é antí-vegan usar de seu couro? 

Opinião do Site: Em outros países até existem lojas que vendem produtos feitos a partir de couro dito: de animais que morreram de velhice.

Particularmente, como os seres humanos são muito falíveis de honestidade (quem confia que algum selo realmente ateste uma morte natural?) sugerimos que o boicote nos artigos de couro deve ser total, até mesmo para não influenciar outras pessoas que vejam você usando uma roupa de couro a querer fazer o mesmo, pois esta outra vai continuar promovendo o consumo da Industria da Morte.

Esta muito em uso nas capitais o "couro sintético". É uma imitação quase que perfeita do couro animal feita a partir do petróleo. Um amigo nosso tem uma jaqueta desta e para evitar mal entendidos ele escreveu "VEGAN" com tinta nas costas dela. Se não for pra divulgar o Veganismo, melhor bocoitar estas também.

 

"Se os matadouros tivessem paredes de vidro, todos seriam vegetarianos. Nós nos sentimos melhores com nós mesmos e melhores com os animais, sabendo que não estamos contribuindo para o sofrimento deles." (Paul McCartney)